Buenos Aires - - Sábado 19 De Setembro

Home Pessoas Esportes Tudo o que você precisa saber sobre a seleção argentina de futebol Vol I

Tudo o que você precisa saber sobre a seleção argentina de futebol Vol I

Digite a nota e surpreenda seus amigos lidar com mais informações do que Alejandro Fabbri.

Esportes

Todos nós temos um amor incondicional pelo celestial e pelo branco. Teríamos isso mesmo que não ganhássemos nada porque é como família: temos aquele que nos tocou e temos que defendê-lo. Mas neste caso, além disso, nos deu muita satisfação como argentinos. Sempre gerou um pouco de picada para misturar esportes com identidade nacional, mas eu não vou mentir para você: cada vez que eu ouvir o hino, lágrimas caem. De qualquer forma, depois dessa confissão melodramática, vamos ao saboroso: vou te contar algumas coisas que talvez você não saiba sobre a quarta seleção mais vencedora da história.

 Fatos para surpreender amigos comendo uma mordida 

A partir de 20 de novembro de 2018 (se não me engano, foi o último), a seleção jogou exatamente 1000 partidas oficiais.

Primeiro jogo oficial: 20 de julho de 1902, vencemos o Uruguai em Montevidéu 6-0. Durante oito anos só jogamos contra o céu azul. Em 1910 apareceu o segundo rival: Chile. Ganhamos em Buenos Aires 3-1.

Primeiro jogo contra o Brasil: 20 de setembro de 1914. 3 a 0 Argentina na quadra de Ginástica e Esgrima de Buenos Aires.
Jogo com o mais público da história: frente ao Brasil no Maracanã em 16 de abril de 1963. Perdemos cinco a dois. O número exato de pessoas é desconhecido, mas fala-se de mais de 80.000 pessoas.

 Técnicos 

A maioria dos jogos levou: Stábile (127 jogos, mais de 10% do total, impressionante). Ele é seguido por Menotti com 85 (e com a diferença não menos de ter vencido uma Copa do Mundo).


Aqueles que menos levaram: acredite ou não, há técnicos que só conseguiram de uma só vez. Este é o caso de Felipe Pascucci (único jogo na Copa do Mundo de 34 da Itália, perdemos 3 para 2), Nestor Pipo Rossi em 1962 (primeiro jogo após a Copa do Mundo Chile, estreou na Menotti), Osvaldo Zubeldía (1 para 1 com a União Soviética em 1965), Federico Sacchi (em 1979 substituindo Menotti que estava com a juventude no Japão) e Claudio Vivas, substituindo Bielsa em 2004, que estava com a equipe olímpica (que acabaria ganhando a primeira medalha de ouro na história).

Data de publicação: 26/02/2019

Compartilhar
Classifique este item
0/5

Temas

Escrever! Notas do leitor

Vá para a seção

Comentários


Não há comentários

Deixe um feedback


Comentários

Música
Coral Campopiano Coral Campopiano: uma vida de sonhos e luta

Com uma brilhante carreira musical nos Estados Unidos, Coral Campopiano voltou ao país e liderou uma...

Tradições
Teatro griego en Mendoza O teatro grego de Mendoza

Histórico. Toneladas de concreto sobre as colinas. O teatro grego só existe para sediar o Festival d...

Argentinos em todo o mundo
El viaje de Pampa A viagem de Pampa

Belén, Roberto e Pampa saíram na estrada em um 59 combi. Contamos a história dele.

Turismo
O Fetur está chegando

Ser Argentino é patrocinador e participante da primeira feira de turismo virtual na Argentina.

Artigos


Eu quero estar atualizado

Assine a nossa newsletter e recebi as últimas notícias