Buenos Aires - - Sábado 24 De Outubro

Home Pessoas É assim que somos Mais perguntas para conhecer a si mesmo

Mais perguntas para conhecer a si mesmo

Responda honestamente e terá uma surpresa.

É assim que somos
reflejo

Este tema da autopercepção não é uma questão de soprar e fazer garrafas. Se eles pensassem que as respostas para as cinco perguntas  nesta nota  eram suficientes para mapear suas almas, eles estavam errados. Eles são mais. Aqui tem mais cinco. O slogan, o mesmo que da última vez: tentar responder por escrito (ajuda-nos a organizar o pensamento) e num momento em que estamos sozinhos e não nos interrompam (para que possamos ser honestos e dedicar o tempo que merece). Chega de prolegos. Ao trabalho.

 1) Você faz o que você gosta ou aprende a se contentar com o que você faz? 

Apreciar o que você faz (seja o que for: do trabalho à lavagem de pratos) e não ser auto-exigente ao extremo de estar sempre insatisfeito é uma ótima maneira de viver. Mas tenha cuidado para se contentar com mais e dessa forma, sem perceber, corte suas próprias asas.

 2) Se você tivesse certeza de que tem cinco anos de vida, o que você mudaria em sua vida? 

Respeitar o axioma “vivi como se não houvesse amanhã” é perigoso porque nos transforma em seres um tanto irresponsáveis. Mas tenha cuidado, porque pode não haver amanhã. Não somos imortais. Não vamos esquecer isso.

 3) Quanto de sua vida é o produto de suas decisões? 

Já sabemos que a vida passa através de nós e que muitas coisas saem do controle, seja lá o que fizermos. Mas continue com, por essa razão, deixe-se levar pelo fluxo. “Não há vento a favor daqueles que não têm norte.” Eu tatuaria essa frase.

 4) Que conselho você daria a um menino de 10 anos para quando ele crescer? 

Eu nem quero comentar sobre isso. É muito pessoal. Eu diria a minha resposta, mas vou começar a chorar. De novo.

 5) Qual foi a última loucura que você fez? 

Muitas vezes temos medo de correr riscos e por isso passamos nossas vidas. Pense na última “loucura” que você fez e analise as consequências. Eram mesmo assim tão maus?

Data de publicação: 14/02/2019

Compartilhar
Classifique este item
0/5

Temas

Escrever! Notas do leitor

Vá para a seção

Comentários


Não há comentários

Deixe um feedback


Comentários

Argentinos em todo o mundo
Feminismo obra Uma água-viva em Nova Iorque

O trabalho do argentino Luciano Garbati foi colocado em um parque na cidade. O mito da Medusa, com u...

Pegada Solidária
Gran Gala por los Niños 2020 Grande Gala para Crianças 2020

Chega o terceiro evento de caridade organizado pela Fundação Julio Bocca, Manos en Acción e Children...

História
 Justo José de Urquiza Urquiza, arquiteto da Nação

Outubro é também o mês de Justo José de Urquiza, um estadista entrerriano que colocou a Pátria à fre...

Tradições
Olimpíadas culturales A Olimpíada Cultural tem a sua festa

Maggiolo é uma pequena cidade em Santafesino onde se realiza um festival muito original: o da Olimpí...

Artigos


Eu quero estar atualizado

Assine a nossa newsletter e recebi as últimas notícias