clima-header

Buenos Aires - - Terça 26 De Janeiro

Home Pessoas Argentinos em todo o mundo “Mais mulheres são necessárias na ciência”, diz a cientista Rosarina premiada pela UNESCO

“Mais mulheres são necessárias na ciência”, diz a cientista Rosarina premiada pela UNESCO

Karen Hallberg será homenageada no dia 14 de março, em Paris, no Prêmio L'Oréal-Unesco.

Argentinos em todo o mundo

A física de Rosarina Karen Hallberg, que será premiada no dia 14 de março em Paris no Prêmio L'Oréal-Unesco, entre um seleto grupo de cinco mulheres de todo o mundo, disse à Télam que “são necessárias mais mulheres no campo da ciência, já que ser pesquisadora é uma carreira emocionante”.
“ Eu acho que a mensagem mais importante deste prêmio é incentivar as meninas mais jovens a se interessarem pela matemática, física ou ciência em geral, e assim se aproximarem do mundo da pesquisa”, acrescentou o pesquisador e professor de 54 anos do Instituto Balseiro de Bariloche.
Casada com um físico e mãe de Kevin, 30 anos, que vive em Zurique, e de Tania, uma médica de 26 anos, ficou surpreendida com esta distinção que foi premiada desde 1998.
“ Não é um prêmio para o qual ele está dirigindo, mas é dado por um comitê internacional liderado por vencedores do Nobel ou prêmios Fields, que é o maior prêmio em Matemática, equivalente ao Prêmio Nobel”, disse o pesquisador.
O prêmio será realizado no dia 14 de março durante a “Semana da Mulher em Ciência e Tecnologia” na sede da UNESCO em Paris.
Hallberg nasceu em Rosário, mas sua infância e adolescência viveram em Jujuy, onde ela colhe muitos amigos e foi uma excelente estudante do Colégio Nacional 1 “Teodoro Sánchez de Bustamante”. Como representante deste estabelecimento, ela foi coroada rainha provincial dos estudantes.
“ Foi uma coisa maravilhosa viver todo aquele palco, mas a coisa mais valiosa e mais resgatada é o carinho do povo de Jujuy”, disse ele.
Depois de se formar no nível médio, ele ficou muito claro que seu futuro estava ligado à ciência. É por isso que ele se inscreveu e conseguiu entrar no famoso Instituto Balseiro, em Bariloche, onde estudou física e fez sua tese de doutorado que lhe permitiu continuar sua vocação (“pesquisa”, diz hoje). Em seguida, ele também obteve um pós-doutorado na Alemanha. Voltando da Europa, ele se restabeleceu em Bariloche com um posto da Conicet.
Hoje trabalha em grupo como pesquisadora no Centro Atômico de Bariloche, que se reporta à Comissão Nacional de Energia Atômica, e é chefe do Departamento de Matéria Condensada.
O prêmio internacional que será concedido é “para a carreira, não para um determinado emprego, mas para a soma do trabalho e contribuições”, disse ele.
Hallberg será premiado juntamente com matemática americana, matemática europeia, química africana e química asiática.
Sobre os prêmios, ele disse que “eles alternam todos os anos, um ano é em ciências da vida e outro ano é em matemática, física, astronomia, computação e química”.
Orgulhosa de sua equipe — “para nós a ciência não é feita sozinha” — ela ressaltou que juntos eles desenvolveram “uma técnica numérica computacional para calcular propriedades quânticas, eletrônicas e atômicas, o que é chamado de matéria condensada”.
Ele acrescentou: “Estes são materiais especiais que apresentam supercondutividade, que são muito complexos de estudar”, então “eles atacam do ponto de vista numérico” e o resultado é “um medidor numérico muito preciso que compete internacionalmente”.
Para este trabalho, ela foi convidada a falar em uma conferência mundial em Boston, no próximo mês de março.

Fonte: Télam

Data de publicação: 14/02/2019

Compartilhar
Classifique este item
0/5

Temas

cat1-artículos

Escrever! Notas do leitor

Vá para a seção

Comentários


Não há comentários

Deixe um feedback


Comentários

Arte e Literatura
María Teresa Andruetto La Tere, dar-lhe mundos

Nós contamos a história de vida de um dos letrados icônicos da província do Mediterrâneo. Uma mulher...

Nostálgico
cacano bar Cacano Bar, bandas de bar e outra coisa

Na década de 2000, foi o rock bar por excelência. Figuras como Charly García ou Juanse brilhou no pa...

Arte e Literatura
E. Zolo Um Posto Cultural para proporcionar acessibilidade à arte

O que antes era um jornal e um estande de revistas tornou-se um Posto Cultural. A iniciativa de um r...

Tradições
Rafaela Feliz aniversário, Rafaela!

Hoje celebra Rafaela, que não é uma mulher, mas a terceira cidade mais importante de Santa Fé.

fm-barcelona

Artigos


Eu quero estar atualizado

Assine a nossa newsletter e recebi as últimas notícias